Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

João Ramos lidera em Espinho
João Ramos lidera em Espinho

João Ramos assinou um 65 (-6) no primeiro dia do Solverde Campeonato Nacional PGA e terminou a jorn...

Ler mais
É preciso muita força de vontade...

Muitas horas no mato pode dar nisto Foto: @ForePlayPod...

Ler mais
Palavras para quê?

Um clássico!   Foto: @CallawayGolfEU...

Ler mais
Jovens do Oporto Golf Club campeões

Jovens do Oporto Golf Club campeões

Publicado em 12 de Novembro de 2010 às 23:00

Jovens do Oporto Golf Club campeões

Delimitado por uma antiga linha férrea e pelo rio Vizela, o Clube de Golfe Rilhadas é um percurso de nove buracos, próximo de Guimarães, Quinta de Cancelo - Cepães. Os seus fairways estreitos e os obstáculos abundantes, obrigam os jogadores a uma precisão extrema. Este campo não perdoa nada, mas também recompensa. É cirúrgico, sendo necessário ter habilidade e inteligência e tem também um fantástico campo de pitch. O jogo curto é aqui constantemente posto à prova.

No passado fim de semana, disputou-se o campeonato nacional de clubes em Pitch & Put, uma organização da FPG, com a vitória do Oporto Golf Club.

Com a participação de nove equipas, o Oporto foi o grande vencedor, com um total de 634 pancadas (169+148+163+154), 14 abaixo do par. Em segundo lugar ficou a equipa da Quinta das Lágrimas com 696 pancadas (169+175+179+173), 48 acima do par, e a equipa de Viseu com 724 pancadas (183+178+182+181), 76 acima do par, arrecadou a terceira posição.

Jovens do Oporto Golf Club campeões

A equipa da casa, o Clube de Golfe Rilhadas, ficou na 6ª posição com 757 pancadas uma prestação muito digna para o clube de Fafe.

A equipa do Oporto, foi constituída por Eduardo Baptista (209), João Magalhães (213), Pedro Almeida (217) e João Girão (227).

De destacar as excelentes condições do campo de Rilhadas que contribuíram para um jogo de qualidade. Uma palavra de apreço para o trabalho “invisível” do Director da Prova, Amadeu Ferreira, elemento fundamental para o sucesso da organização. Um exemplo a seguir, sem dúvida.