Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Um resultado que vem em boa altura
Um resultado que vem em boa altura

Apesar das condições adversas, Ricardo Melo Gouveia fez uma das melhores rondas do dia no British ...

Ler mais
Pedro Figueiredo perdeu uma posição no ranking

No primeiro de dois torneios na China, Pedro Figueiredo, tal como Filipe Lima, já com lugar assegur...

Ler mais
Leishman arrasa concorrência

Marc Leishman somou o 4º título no PGA Tour, depois de conquistar o CIMB Classic. Depois de até ...

Ler mais
Tiger is back?

Tiger is back?

Publicado em 11 de Abril de 2011 às 23:00

Tiger is back?Há alguns anos falar de Tiger Woods era sinal de certeza, agora é sinal de incógnita.

Mas o antigo número 1 mundial parece estar cada vez mais próximo da forma que o fez dominar, durante mais de uma década, o golfe mundial.

Sem vencer desde o Australian Masters, em Novembro de 2009, e depois de um período pessoal conturbado, que conduziu ao divórcio de Elin Nordegren, o Tigre tem vindo a conseguir resultados mais consistentes e este domingo por pouco não venceu o primeiro major da temporada – foi quarto classificado no Masters.

Um resultado que agudizou ainda mais o seu apetite pelo jogo.

Hoje, Tiger Woods já esteve de regresso ao trabalho, numa clínica na China, onde a sua popularidade continua em alta.

“Joguei muito bem durante o fim-de-semana e consegui bons shots – shots que sei que consigo bater. Diverti-me imenso. Aliás, esta semana senti-me muito bem”, confessou no clubhouse do Mission Hills Dongguan, antes de prestar tributo ao seu treinador Sean Foley, com quem iniciou uma parceria durante o PGA Championship do último ano.

“As mudanças que tenho feito no meu swing começam a dar os seus frutos. Esta semana joguei bem até aos últimos buracos. Mas os primeiros nove do último dia foram bastante divertidos. É bom sentir-me de volta à discussão”, frisou. “Quando tinha 25 anos ganhava tudo, e agora com 35 não ganho nada”, brincou logo depois. Durante a clínica, Tiger Woods confessou que o putt ainda está longe do nível habitual e que o seu próximo objectivo passa por afinar o jogo curto, como que confirmando que é nesta parte do jogo que se ganham torneios.

O regresso às vitórias parece estar para breve.