Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Shane Lowry entra a vencer em 2019
Shane Lowry entra a vencer em 2019

Shane Lowry dominou o Abu Dhabi HSBC Championship presented by EGA de princípio ao fim e conquistou...

Ler mais
Ninguém segurava Krista Glover…

A mulher de Lucas Glover, Krista, escapou a uma ida a tribunal e possivelmente umas noites na prisã...

Ler mais
Mickelson não se deixou surpreender

Depois de uma fantástica estreia no La Quinta CC, Phil Mickelson esteve mais comedido no segundo di...

Ler mais
Rendido ao golfe

Rendido ao golfe

Publicado em 12 de Setembro de 2011 às 23:00

Rendido ao golfeAntes de brilhar nos grandes palcos mundiais, Robbie Krieger já mostrava o seu gosto pelo golfe.

“Empurrado” pelo seu pai, então novo sócio no Riviera, o antigo guitarrista dos The Doors teve a sua primeira experiência com 10/11 anos.

Contudo, apesar da aula que teve com Betty Hicks, vencedora do US Amateur de 1941 e jogadora do recém criado LPGA Tour, Krieger, actualmente com 65, preferia ganhar dinheiro como caddie aos fins-de-semanas.

“Ganhava $5 por carregar um saco e $10 por dois, às vezes $12”, recordou.

Mas a sua paixão pelo jogo manteve-se e, alguns anos mais tarde juntou-se à equipa de golfe da sua universidade nos Palisades.

“Juntei-me mais para poder beber cerveja”, brincou.

Krieger continua a dar espectáculos com o antigo teclista da banda Ray Manzarek e a jogar golfe, modalidade que começou a jogar antes dos anos 60, altura em que a sua vida mudou para sempre.

“E no sonho continuámos a tocar. Tudo é espectacular”, acrescentou, revelando que “ainda tenho sonhos com o Jim”, enquanto joga uma partida no Riviera.

Aliás, o seu fraco jogo nos greens deixa-o frustado.

“Bate na bola”, diz irritado, depois de ficar curto no buraco 5.

Mas a paixão pelo jogo é mais forte para continuar a acreditar que pode melhorar.