Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Os verdadeiros campeões revelam-se no fim
Os verdadeiros campeões revelam-se no fim

Finalmente chegou o momento porque muitos esperavam. Cinco anos depois, Tiger Woods voltou às vit...

Ler mais
Melinho igualou Sergio Garcia em 7º

Tom Lewis repetiu a triunfo de 2011 no Portugal Masters e garante, desde já, um lugar no European T...

Ler mais
Figgy continua no top-15

Pedro Figueiredo cumpriu o seu maior objetivo da semana e segurou-se no top-15 do Challenge Tour. D...

Ler mais
Golfe em alta

Golfe em alta

Publicado em 24 de Outubro de 2011 às 23:00

Golfe em altaDepois da saída de cena de Tiger Woods, o golfe está sedento de um novo herói, mas talvez isso até esteja a ser benéfico para a modalidade.

Há vários talentos a emergir, rapidamente apontados como os novos dominadores do golfe mundial, mas a regularidade de Luke Donald, que esta semana impôs-se de forma fantástica no Children’s Miracle Networw Hospitals Classic para vencer a Money List do PGA Tour parece estar a demonstrar que ainda não é a vez destes.

Sergio Garcia, por exemplo, foi em tempos eleito pela Imprensa como um digno sucessor do Tigre.Golfe em alta

“El Niño”, “La Furia”, etc…, mas a verdade é que não conseguiu melhor do que chegar a número 2 do Mundo.

Aliás, foi a vitória no HSBC Champions de 2008 que o levou a esse lugar.

Contudo, desde aí, o espanhol, agora com 31 anos, quase menos três do que Donald, nunca mais venceu.

Passou por um momento complicado, saiu do top-75 mundial e chegou mesmo a ficar uns tempos sem jogar golfe para repensar o que era melhor para a sua carreira.

Regressou no início do ano, obteve alguns bons resultados – ainda só falhou um cut este ano –, mas a imponente vitória desta semana no Castello Masters, o mesmo que consagrou o prodígio italiano Matteo Manassero no ano passado, por 11 shots, voltou-o a colocar na ribalta.

Golfe em altaNo entanto, tal como Luke Donald, tem um enorme fardo: nunca venceu um major…

No golfe feminino também parece estar a surgir uma signa sucessora de Lorena Ochoa.

A nova número 1 mundial, Yani Tseng, de apenas 22 anos, não tem dado hipóteses à concorrência e já soma 10 vitórias este ano.