Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Tudo não passou de um susto
Tudo não passou de um susto

Luke Donald teve sorte em não precisar de ir às urgências de um hospital português. É verdade ...

Ler mais
Os piores professores do mundo

Quem iria alguma vez duvidar que campeões como Padraig Harrington, Martin Kaymer, Ian Poulter ou Le...

Ler mais
Melinho soube aproveitar

Em bom tempo o European Tour criou um ranking paralelo à Race to Dubai. Ricardo Melo Gouveia termi...

Ler mais
Anna Grzebien: Ela tornava o campo de golfe mais bonito

Anna Grzebien: Ela tornava o campo de golfe mais bonito

Publicado em 26 de Maio de 2013 às 23:00

Este artigo pertence à área de conteúdos golfbabes

A partir desta segunda-feira, a Golf 4 You vai iniciar uma rúbrica que se destina dar a conhecer as “miúdas mais giras do circuito”!

Neste caso trata-se de uma ex-jogadora. A americana Anna Grzebien, de 28 anos, formada em psicologia pela universidade de Duke, teve uma carreira amadora auspiciosa – por exemplo, em 2005 venceu o prémio Honda para a Melhor Jogadora Nacional depois de conquistar o NCAA Individual Championship, ano em que, tal como 2006, integrou a First-Team All-American da NGCA (National Golf Coaches Association) –, e abandonou a sua carreira profissional este ano, para grande desilusão dos seus fãs, depois de um grande amigo e da sua avô terem sofrido graves acidentes de viação.

 

“Isso fez-me olhar para a vida de uma outra perspetiva”, confessou Grzebien, atualmente a trabalhar como diretora do clube de golfe privado, Dye Preserve, em Jupiter, na Flórida. 

Antes de se ter tornado profissional em maio de 2007, foi distinguida para a Second-Team All-American, e regista ganhos superiores a 266,000$ no LPGA Tour. Contudo, faltou-lhe uma vitória no principal circuito americano feminino, onde o seu melhor resultado foi um 13º lugar no CVS/pharmacy LPGA Challenge em 2009.