Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Foi pena...
Foi pena...

Ao contrário de Ricardo Melo Gouveia, Miguel Gaspar teve um sábado confortável e até chegava ao ...

Ler mais
Melo Gouveia mostrou garra

Depois de um sábado difícil, Ricardo Melo Gouveia concluiu o Nordea Masters com quatro birdies nos...

Ler mais
Miguel Gaspar salva a honra

Bogeys consecutivos no 5 e no 6 impediram Miguel Gaspar de terminar o segundo dia do Open da Irlanda...

Ler mais
Patrick Reed respira confiança

Patrick Reed respira confiança

Publicado em 11 de Março de 2014 às 23:00

Tiger Woods voltou a ter um mau ensaio para o Masters. Depois de vencer por cinco vezes no ano passado, embora nenhuma delas em majors, o número 1 mundial parecia determinado em aproximar-se do recorde de 18 majors do lendário Jack Nicklaus – soma atualmente 14, embora o último tenha sido conquistado no longínquo US Open de 2008.

Esta semana, e após se ter retirado do Honda Classic na última ronda com dores nas costas, o Tigre recuperou em tempo recorde para defender o seu título no WGC – Cadillac Championship. E depois de duas rondas iniciais modestas em Doral, Tiger Woods colocou-se em posição com um fantástico 66 (-6) no sábado. Contudo, as dores voltaram a reaparecer e o 78 final (+6), a sua pior ronda da carreira num domingo, atiraram-no para o 25º lugar.

Com o primeiro major da temporada aí à porta – falta menos de um mês –, é Patrick Reed o “homen do momento”. O texano, de 23 anos, somou a terceira vitória da carreira no PGA Tour nos últimos 14 torneios, a segunda nos sete de 2014 – conquistou o Humana Challenge em janeiro. Reed disse mesmo que deveria estar no top-5 mundial e que este terceiro triunfo  antes de completar o 24º aniversário lhe permite pensar que está entre os melhores jogadores de todos os tempos. “Não vi muita gente além de Tiger Woods e outras lendas do golfe fazer o mesmo”, disse.

Aliás, só o Tigre (15), Rory McIlroy (6), Phil Mickelson (4), Adam Scott (3) e Sergio Garcia (3) conseguiram somar três títulos antes dos 24.