Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Não se pode ganhar sempre…
Não se pode ganhar sempre…

Depois de conquistar a sua primeira vitória nos Estados Unidos, João Magalhães não conseguiu mel...

Ler mais
João Girão ainda tentou mais alguma coisa

João Girão terminou no 37º lugar do Quail Valley Intercollegiate Invitational com +2. O portugu...

Ler mais
Um resultado que vem em boa altura

Apesar das condições adversas, Ricardo Melo Gouveia fez uma das melhores rondas do dia no British ...

Ler mais
Momoko Ueda: sempre disponível para ajudar o próximo

Momoko Ueda: sempre disponível para ajudar o próximo

Publicado em 15 de Junho de 2014 às 23:00

Este artigo pertence à área de conteúdos golfbabes

A Golf 4 You virou-se para o mercado asiático para embelezar a rúbrica “As miúdas mais giras do circuito”. A japonesa Momoko Ueda, que ontem celebrou o 28º aniversário, deu-se a conhecer ao mundo com apenas 21, depois de se tornar na mais jovem jogadora da história a conquistar a Ordem de Mérito do Japan Golf Tour (2007).

 

 

 

Momoko desde cedo mostrou apetência para o golfe. Começou a jogar aos nove anos e aos dez entrou para a prestigiada Sakata School. Em 23 torneios amadores, terminou no top-10 em 15 ocasiões, incluindo três triunfos e cinco segundos lugares. Em agosto de 2005, tornou-se profissional e logo no seu primeiro ano estreou-se a vencer no torneio JLPGA destinado às rookies do circuito. Mas foi dois anos depois que viveu o seu apogeu, somando cinco vitórias, entre as quais o Mizuno Classic, uma prova co-sancionada pelo JLPGA e LPGA Tour. Um título que viria a repetir em 2011.

 

 

 

Momoko, que como qualquer mulher adora ir às compras, viajar e ouvir música, mostra também uma vertente solidária. O “The Momoken Project” é um programa de caridade criado em 2008 para angariar fundos para as pessoas cegas que precisam de cães guia, enquanto em 2011 nasceu a Fundação Makeruna Nippon/Dont’t Give Up Japan, numa ideia conjunta com as compatriotas golfistas Ai Miyazato e Mika Miyazato – não têm nenhuma relação de parentesco –, para ajudar as vítimas do terramoto e tsunami que varreu a costa do seu país.