Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Ricardo Santos a subir de forma
Ricardo Santos a subir de forma

Com o início da temporada do Challenge Tour a aproximar-se a olhos vistos – é já no próximo m...

Ler mais
Open de Portugal em setembro

Foi hoje divulgado o calendário de 2019 do Challenge Tour. O Open de Portugal volta a integrar a l...

Ler mais
VÍDEO: Nem Tiger ficou indiferente

Depois desta longa apresentação no WGC – Mexico Championship, Tiger Woods sorriu, mas parece nã...

Ler mais
Nova separação à vista?

Nova separação à vista?

Publicado em 24 de Agosto de 2010 às 23:00

Nova separação à vista?Depois de emitir um comunicado conjunto no seu sítio oficial com Elin Nordegren a dar conta do dívóricio entre ambos, Tiger Woods pode estar a preparar-se para deixar igualmente o seu caddie Steve Williams. O casamento do número 1 mundial com a modelo sueca não resistiu ao escândalo sexual em que o Tigre se viu envolvido em Novembro do ano passado, e agora, na ausência de resultados desportivos, os rumores de uma possível “separação” com o neo-zelandês, após uma ligação de 11 anos, têm aumentado de dia para dia. Steve Williams é que crê que estas histórias não passam disso mesmo: rumores. “As pessoas especulam. Ele não está a jogar ao seu nível habitual e os seus resultados já não são o que eram, afirmou o caddie à New Zeland Radio. “Tiger e eu somos bons amigos e estamos a passar por um período díficil, não há dúvidas disso”, reconheceu. “Estou a 100 por cento com ele e ele tem sido muito positivo comigo”, acrescentou. Steve Williams mostrou-se ainda confiante que Sean Foley vai reabilitar do jogo de Tiger, apesar de negar que o canadiano seja o novo treinador do número 1 mundial, uma notícia avançada pela Imprensa desde que ambos foram vistos a trabalhar juntos no driving raange do PGA Championship. “Tiger ainda não tomou nenhuma decisão sobre quem será o seu novo treinador, mas, pessoalmente, gosto bastande de Sean Foley. Se Tiger decidir ficar com ele, com certeza, vai melhorar”, sublinhou o neo-zelandês, que lembrou ainda que Tiger “já venceu 14 majors e 71 torneios do PGA Tour”. “Ele sabe como ganhar e as pessoas sabem que ele sabe”, disparou. Tiger Woods tem a presença na Ryder Cup em risco, mas Steve Williams confessou acreditar que o capitão da selecção norte-americana Corey Pavin lhe vai dar um dos quatro wildcards disponíveis. “É um dos principais eventos mundiais e é óbvio que queremos estar lá. Temos mais duas semana para mostrar (a Pavin) que Tiger está melhor”, finalizou.