Encontra a Golf 4 You nas principais redes sociais e ajuda-nos a promover o Golfe Português Golf 4 You no Facebook Facebook Golf 4 You no LinkedIn LinkedIn

Últimas

Miguel Gaspar não atira a toalha ao chão
Miguel Gaspar não atira a toalha ao chão

Apesar de um duplo no penúltimo buraco, Miguel Gaspar terminou o primeiro dia do Boavista Classic d...

Ler mais
Gautier não deixou escapar a vitória

O alemão Hinrich Arkenau (64+69+64) esteve perto de repetir o triunfo de há dias no Red Sea Egypti...

Ler mais
Tiger Woods estreia-se amanhã em 2019

Tiger Woods escolheu Torrey Pines para fazer a sua estreia em 2019. O antigo número 1 vai jogar as...

Ler mais
Coração de Ouro

Coração de Ouro

Publicado em 31 de Outubro de 2011 às 23:00

Coração de OuroDepois de há três anos ter estado muito perto de abandonar o golfe profissional, devido a problemas de saúde, Erik Compton assegurou este fim-de-semana um lugar entre o top-25 da Money List do Nationwide Tour que assegurou o cartão do PGA Tour.

Este americano, de ascendência norueguesa, de 31 anos, que lhe viu diagnosticada uma cardiomiopatia, uma doença do músculo cardíaco que detiora a abilidade de bombear o sangue, foi obrigado ao primeiro transplante de coração, três anos depois, em 1992.

E em 2008, quando o primeiro coração começou a falhar, precisou de outro.

Após o primeiro transplante, Compton usou o golfe como forma de o obrigar a fazer exercício.

Contudo, este desporto tornou contornos muito maiores para si.

“Este jogo foi como uma reabilitação para a minha vida, onde eu não pensava nos proble-mas que tinha”, confessou.Coração de Ouro

Mas Compton sofreu um duro revés quando em Julho, enquanto disputava o AT&T National, o seu corpo rejeito o coração.

Uma situação que os médicos felizmente conseguiram controlar com medicamentos extra.

Demorou algumas semanas para reencontrar a melhor forma, mas o 18º lugar no Nati-onwide Tour Championship desta semana foi a sua melhor classificação desde a vitória no Mexico Open no início do ano.