DJ sucede a Tiger

Depois de uma grande terceira volta, foi sem grande surpresa que Dustin Johnson conquistou o Masters.

Aliás, se algumas dúvidas as houve, elas ficaram dissipadas quando DJ assinou três birdies consecutivos do 13 ao 15…

O número 1 do mundo fixou assim um novo recorde agregado de -20 para o vencedor, menos duas pancadas do que Tiger Woods (1997) e Jordan Spieth (2015).

E foi o primeiro a deixar o seu principal perseguidor a cinco shots ou mais desde que Tiger venceu por 12 (!) em 1997.

Dustin Johnson venceu igualmente o seu segundo major, depois do US Open de 2016, somou o 24º título no Tour, igualando ainda Tiger no número de temporadas consecutivas a vencer desde o início da carreira (14), apenas atrás de Arnold Palmer e Jack Nicklaus (17).

O segundo lugar foi repartido por Sungjae Im e Cameron Smith, o primeiro jogador a jogar as quatro voltas de um major na casa das 60 pancadas.

Pela negativa, destaque para o 10 de Tiger Woods no Par-3 do 12 – três bolas na água –, ele que respondeu com seis birdies nos cinco buracos seguintes, incluindo quatro a fechar.

Foi o seu pior resultado num buraco do Masters como profissional e de sempre em toda a carreira no PGA Tour.

Tiger acabou enm 38º, com -1.

Foto: Getty Images

Eventos relacionados

Mais sobre The Masters