É o preço a pagar…

Sergio Garcia voltará a ser uma das estrelas do Saudi International do próximo ano, mas segundo a publicação britânica do The Telegraph irá abdicar do prémio de presença.

Isso terá sido alegadamente uma das condições acordadas com o European Tour quando foi desqualificado da edição inaugural, depois de ter sido apanhado num vídeo amador a descarregar a sua ira num bunker durante a segunda ronda e estragado cinco greens na terceira.

“O que aconteceu não foi um exemplo e não mostra quem sou”, disse na altura.

O PGA Tour não autoriza este tipo de práticas, mas no European Tour já é comum.

Nos bastidores falou-se que o espanhol terá recebido cerca de 600 mil euros e que este ano provavelmente iria ser remunerado em igual proporção.

O número 1 do mundo, Brooks Koepka, e o campeão em título, Dustin Johnson, também vão estar na Arábia Saudita entre 30 de Janeiro e 2 de Fevereiro.

Foto: Getty Images

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *