Sem pedir licença

Em três semanas, Ricardo Santos subiu 630 posições no ranking e passou a ser o número 1 português.

Depois do 2º lugar no Czech Challenge, o algarvio, de 36 anos, conquistou o Swiss Challenge e entrou para o top-300, ele que em 2013 chegou a ocupar a ser 137º da hierarquia – o recorde nacional é um 77º de Ricardo Melo Gouveia em 2016.

Nos dez primeiros, o destaque vai obviamente para Rory McIlroy, vencedor do RBC Canadian Open, que trocou de posição com Justin Rose, e o “arrufo” entre Francesco Molinari e Justin Thomas, que poderá ser desfeito no US Open, em Pebble Beach.

Foto: Emanuel Stotzer

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *