Tomás fica à espera do inevitável

Um bogey no ultimo buraco muito provavelmente colocou Tomás Melo Gouveia fora do cut do Open Casa Green Golf do Pro Golf Tour.

Depois de completar os primeiros 18 na véspera em 71 pancadas (-1), o português só teve de se concentrar com a ronda de hoje no Palmeraie.

Ainda recuperou de um bogey no 7 com um birdie no 8, mas já não conseguiu fazer o mesmo com os bogeys no 15 e 18.

Está provisoriamente entre os 63ºs classificados – alguns jogadores ainda terão de regressar amanhã –, a dois shots dos 40 primeiros e empatados que se apuram para a ronda final.

Já Tiago Rodrigues está definitivamente eliminado.

Voltou mais cedo ao Casa Green Golf para jogar os 9 buracos em falta, mas um bogey, seguido de um duplo contribuiu para um 77 (+5) inaugural.

Tiggy esteve melhor no Palmeraie, mas um 74 (+3), com dois birdies, três bogeys e um duplo, colocarou um ponto final nas suas aspirações.

O finlandês Sami Välkämi lidera em Casablanca (Marrocos) com -9 e um shot de vantagem sobre o alemão Maximilian Oelfke.

Foto: Facebook de Tomás Melo Gouveia

Eventos relacionados

Mais sobre Open Casa Green Golf

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *