Tomás Silva ficou às portas do top-10

Tomás Silva conseguiu o seu melhor resultado de sempre no Challenge Tour, superando em duas posições o 15º lugar obtido no ano passado no Challenge de España.

O 13º de hoje no KPMG Trophy deixou-o a apenas um shot do top-10.

O campeão nacional fez cinco birdies nos front nine e terminou com outros dois nos últimos três buracos, na resposta a um bogey no 11.

Já Ricardo Santos, que saiu do 10 no Millenium Golf, despediu-se com um 67 (-4) – cinco birdies e um bogey – e acabou entre os 37ºs classificados.

Apesar de não ter jogado nenhuma volta acima do Par, Vítor Lopes não consegiu exibir-se ao nível dos dois primeiros dias, e depois do 71 (Par) de ontem, assinou um 70 (-1) hoje.

Marcou um eagle e um birdie nos primeiros nove, mas dois bogeys empurraram-no para 66º.

European Tour

A vitória acabou por sorrir a Dale Whitnell.

Depois de seis birdies nos back nine, incluindo um no 17 e outro no 18, o inglês fez mais dois no Par-5 do 18, num play-off com o compatriota Laurie Cantar, que tinha assegurado um lugar na decisão com um eagle no último buraco regulamentar.

https://twitter.com/Challenge_Tour/status/1168189387169062914

Foto: Instagram de Tomás Santos Silva (santosilvatomas)

Eventos relacionados

Mais sobre KPMG Trophy

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *